Pular para o conteúdo principal

COMO ENTENDER MINHA COROA?

INTRODUÇÃO

Este texto descreve o raciocínio para compreensão da coroa e seus Orixás de cabeça na T.U. Pena Verde, Pena Azul e Caboclo Flecheiro de Aruanda.

Há várias formas de se saber um orixá de frente: Guia chefe da casa, guia da pessoa, búzios, calculo de Odú, numerologia, método de Umbanda astrológica, etc. Cada casa tem a sua doutrina e entendê-la fará toda diferença em como você vai se relacionar com estes Orixás. 

O calculo não é feito com sites aleatórios, mas com método claro e coerente com a casa que você se relaciona. O importante é não ser feito "a olho", no "Olhometro" como ocorre em muitas casas que o consulente pisa uma vez e os médiuns incorporados saem dando nomes de Orixás que se contradizem colocando muita confusão na cabeça do iniciado. 

MÉTODO

1) Pesquisa qualitativa e quantitativa de arquétipos em bibliografia disponível (Sites, blogs, livros, cursos EAD, etc) e sua co-relação com Orixás. 

2) Organização dos arquétipos e seus comportamentos em inventário de personalidade.

3) Tabulação dos comportamentos observados nos filhos de santo x relação com Orixás mais presentes resultam em uma pontuação de frequência vibratória. 

QUANTOS ORIXÁS CABEM NA CABEÇA?

Na nossa casa, todos os filhos tem 4 Orixás de cabeça, sendo:



Orixá Ancestre ou de frente: É aquele que representa nossa natureza íntima (provavelmente a personalidade de vidas passadas).

Orixá Adjunto ou de costas: é o que lhe guarda nesta vida, é o que representa a sua missão de evolução nessa terra. A personalidade que provavelmente mais lhe desafia 

Orixá de direita: Quem rege suas emoções. Atuam como um padrinho ou madrinha neste campo.

Orixá de esquerda: Quem rege sua razão. Atuam como um padrinho ou madrinha neste campo.

O CÉREBRO (BASE DO ORI)

O Seu cérebro (massa que abrange sua mente, psiquê e personalidade) é a base do Ori, da coroa, do chacra sagrado e está dividido em "Direito e esquerdo", sendo:



Por isso a relação com os Orixás Padrinhos de direita e esquerda. Por isso as vezes o jeito que a gente age no trabalho é diferente do jeito que agimos no relacionamento e assim por diante. 

IDENTIFICANDO OS ORIXÁS NOS SEUS CAMPOS DE ORI

É preciso organizar a data de nascimento de acordo com as fórmulas abaixo, somando os algarismos que derem maior de 14 (Exemplo, se der 15, a conta será 1+5 = 6, se der 14, será 14). Está sendo limitado o 14, pois na Umbanda sagrada há 14 Orixás divididos por 7 linhas de Umbanda. 

Coluna A: Adjunto

Soma data + dia de nascimento

Coluna B: Ancestre ou de frente

Soma ano de nascimento

Coluna C: Direita

Soma Ancestre + Adjunto

Coluna D: Esquerda

Soma Ancestre + Adjunto + Direita

Esses números agrupam Orixás possíveis utilizados para alafiar os Orixás identificados no inventário. Não vamos divulgá-lo, pois isso é conteúdo doutrinário da nossa casa. O texto serve de exemplo de como essa identificação pode acontecer.  





Comentários

  1. Gostei do blog. Aproveito para partilhar esse link sobre o ano de 2017, o ano de Saturno!
    Aline explica o que isso significa, também.
    https://www.youtube.com/watch?v=YD0i3yAejAE&feature=youtu.be

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

TRABALHOS COM CABEÇA DE CERA NA UMBANDA

INTRODUÇÃO A Cabeça é o lugar mais sagrado para o Umbandista. É ali que vive o seu Ori, sua coroa, sua mente, seu cérebro, o início dos seus chacras, etc. Trabalhos com cabeça de cera devem ser feitos por pessoas experientes e fundamentadas. Na dúvida sobre o que ou como fazer, sempre consulte o pai de santo de sua confiança.  CABEÇA DE CERA PARA OXUM: PEDIDOS E PROMESSAS Oxum (Nossa senhora de aparecida) é muito conhecida por receber cabeças de cera em seus trabalhos, seja ele para amor (embora a Umbanda em si seja contra trabalhos de amarrações) ou para outros pedidos.  Em São Paulo está localizado o Santuário de Aparecida do Norte. Lá é recebido diariamente muitas peças de cera em pedido ou agradecimento de graças alcançadas por seus fiéis.  Podemos fazer cabeça de cera para cura, para melhorar os pensamentos, clarear as ideias, etc.  CABEÇA DE CERA COM YEMANJÁ: CALMA, LIMPEZA E DISCERNIMENTO.  Yemanjá é a mãe de todos. Este trabalho é indicado para ac

VELAS E SUAS DEFORMAÇÕES: "MINHA VELA BORRADA, O QUE ISSO QUER DIZER?"

INTRODUÇÃO A Umbanda é uma religião que trabalha com energia, portanto, ela pode se movimentar de ponta a ponta, de forma neutra ou intencionada. Sendo intencionada, podemos identificá-la como positiva ou negativa, recebida ou negada, desviada, redirecionada, etc. Se formos olhar a definição de dicionário, "energia" nada mais é do que a capacidade de um corpo, objeto ou molécula realizar seu trabalho. Se formos pensar em "energia de vela", seria a capacidade que a vela tem de executar o seu trabalho (quebra demanda, proteção, maldade, reversão, desvio, anulação, potencialização, cobrança, correção, direcionamento, etc).  Muitas pessoas que acendem velas se perguntam: "Olha como minha vela ficou", o que isso quer dizer? Para responder essa pergunta primeiro é necessário levantar quais variáveis borram uma vela. Sua vela pode borrar por estar exposta ao vento (ventilador, janela aberta, porta aberta, alguém que passou correndo, etc), pode

MAGIAS COM MAÇÃ NA UMBANDA

A maçã é uma fruta afrodisíaca com diversos benefícios para o organismo humano. Ela combate o envelhecimento, ajuda no controle do hálito, controle de diabetes (por ser rica em pectina), controle do colesterol, etc. No geral, frutas com a polpa branca, como maçã e pera, podem reduzir o risco de uma pessoa sofrer um acidente vascular cerebral (AVC). Esta é a conclusão de um estudo feito pela Universidade de Wageningen, na Holanda, em que foram acompanhadas 20.069 pessoas, entre as idades de 20 e 65 anos.  A pesquisa levou dez anos para ser desenvolvida. Após este período, os pesquisadores viram que as pessoas que mais comiam alimentos de polpa branca de frutas e legumes tinham 52% menos chances de ter um AVC. Apesar de deixarem claro que é preciso ter mais estudos para confirmar as descobertas, os estudiosos afirmam que o consumo de uma maçã por dia, reduz o risco em cerca de 40% (Fonte: Ciclovivo.com.br). A Maçã ainda é indicada para combater problemas respiratórios